Meu coração anseia por um amor imperfeito, sem forma. Um que aprendemos a construir desde o início, sabendo e apreciando tudo o que defendemos. Um que aprendemos a enfrentar as tempestades um do outro e nunca desistimos, por pior que seja.

por que os homens gostam de dedilhar as mulheres

Meu coração anseia por um amor não filtrado, cru, em todos os sentidos da palavra. Um que não conhece fronteiras. Alguém que não tem vergonha nenhuma. O tipo que não esconde, nem mesmo no escuro.

Meu coração procura encontrar paz e consolo em outro. Ele procura outro para estragar todo o seu amor e carinho e ser um grão de esperança e força quando é mais necessário.

Meu coração procura um amor. Alguém que não tem medo de se aventurar nas profundezas deste mundo, pois o que é uma vida sem emoções?

Meu coração procura um amor que é fortalecedor. O tipo que não cria um à custa do outro. O tipo de amor que conhece seus limites e não exige que se perca e se torne o que não é apenas por amor.

Meu coração procura um amor. Um amor amável. Um construído sobre confiança e cuidado. Um amor, terno, quente, doce ao gosto. Um com a mistura adequada de agridoce.

Meu coração busca, não o tipo de amor nos filmes, mas um amor que conseguimos definir. Um amor que é único e inquestionável. Um amor que abre seu próprio caminho, onde nenhuma alma pensava possível.

Meu coração procura aprender com as lutas, a mágoa, como melhorar o dia, como ser humilde e gentil.

Meu coração anseia por um amor verdadeiro. Um que não é quantificado, não por alguém ou qualquer coisa que vagueia pela terra. Um amor, precioso demais para colocar um preço.