Todos sabemos que os clubes de striptease existem há muito tempo e, vamos encarar, o sexo vende, mas você já se perguntou como seria estar uma daquelas garotas girando no poste? Não é tão fácil como se poderia pensar. Muitas pessoas pensam que nosso trabalho é subir ao palco e sacudir a bunda enquanto o dinheiro voa para nós. Isso é apenas parte do nosso trabalho.

Primeiro de tudo, é nãofácil levantar-se nesse palco.

Vi garotas entrarem em pânico e ficarem paradas lá, e vi garotas sofrerem ataques de pânico no camarim e fisicamente não conseguem se apresentar. É preciso bolas para subir em um palco na frente de uma multidão pequena ou enorme e despir até a pele.

Esta indústria é, acredite ou não, com base na autoconfiança. Você tem que acreditar por si mesmo que é sexy e sem falhas, caso contrário, como vai vendê-lo para a multidão?

mistérios não resolvidos finalmente resolvidos

Toda garota é diferente e tem sua própria música e técnicas. Algumas meninas gostam de trabalhar devagar e fazem um show sedutor no chão, enquanto outras adoram a emoção de subir todo o caminho até o topo e arremessar o corpo de todas as maneiras. Os truques que a maioria dos bailarinos faz no mastro são todos autodidatas, não temos nenhum profissional que nos ensine. Nós encontramos tempo comprando nossa própria vara ou esperando o clube desacelerar e praticar. Algumas coisas são fáceis e outras levam muito tempo, prática, falhas, quedas e lesões.

Em segundo lugar, os dançarinos passam pelo INFERNO! Lidamos com clientes bêbados que tentam nos agarrar de maneira inadequada o tempo todo, especialmente durante danças particulares. Temos bebidas derramadas sobre nós, caras que se recusam a dançar porque não gostam de peitos pequenos, e os rudes que sentem que não precisam pagar para nos assistir.

Se você é um dos homens que sente que não precisa pagar para assistir aquelas mulheres tirarem a roupa, por que se deu ao trabalho de passar por aquela porta? Não é bom ficar sentado e assistir de graça.Só posso enfatizar isso tanto que, para algumas das garotas do clube, esse é o único lucro. Não é legal entrar no clube e tratar os dançarinos de maneira desrespeitosa.

eu tenho zero qualidades redentoras

Os dançarinos tendem a gastar mais dinheiro com cabelos, unhas, bronzeados, ceras, pele e maquiagem do que as mulheres normais, porque esse tipo de coisa faz parte do trabalho. A expectativa de uma stripper é ser perfeita e bonita e atender às necessidades de sua fantasia. Como artista adulto, é um requisito para acompanhar tudo. Isso significa gastar centenas de dólares em sapatos, jóias, maquiagem, produtos para o cabelo, perfumes e loções. O que não é realmente um problema, porque no final do dia tudo o que é comprado para o trabalho é uma baixa de impostos (sim, dançarinos podem registrar impostos). A maneira como os dançarinos registram impostos é muito diferente da maneira como uma pessoa normal lidaria com isso. Os formulários W2 não são distribuídos. Passamos por um especialista em impostos e temos a opção de pagar um valor trimestral ou acompanhamos todos os recibos, noites em que trabalhamos, pagamos taxas e solicitamos que o especialista em impostos prepare nossos impostos com base nessas informações.

ritual do elevador real

O ponto positivo a ser lembrado é que ser uma stripper não é tão ruim assim, nem precisa ser desaprovada.

Strippers não são prostitutas ou pessoas que procuram o 'caminho mais fácil'. As mulheres nesses estágios são enfermeiras, professoras, mães e até estudantes. Muitos estudantes universitários optam por dançar devido à flexibilidade das horas.

Esse trabalho paga um bom dinheiro e permite que as contas sejam pagas mais rapidamente ou mais, dependendo se você tiver algum tipo de dívida significativa.

Por favor, não julgue alguém porque você sabe que é dançarino, principalmente se você não conhece o setor. Como qualquer trabalho, há bons e maus.

Se você entrar em um clube de strip, não trate essas garotas como um pedaço de carne. Strippers são pessoas. Seres humanos. Seria um longo caminho para lembrar disso.