Eu achava que o amor era esse vínculo incrível de ferro e aço que podia unir duas pessoas. Eu pensei que era à prova de balas. Mas cheguei à conclusão de que o amor não é inquebrável. Pode ser tão frágil quanto uma chama e pode ser soprada por apenas uma pequena rajada de vento. O amor é um mosaico perfeito, perfeito, cheio de promessas, cheio de vida e cheio de esperança. Mas, será quebrado se um de vocês decidir abandoná-lo.

É assim que o amor se desfaz.

Um dia, vocês dois conversam sobre seus planos juntos. Entusiasmado, ele já compra decorações para o apartamento. É uma tapeçaria com passarinhos por toda parte. Ele entendeu porque sabe que você tem um caso de amor com eles. Você diz a ele como é incrível finalmente dormir na mesma cama que ele e não precisa se preocupar com as mudanças de horário e os sinais do aeroporto. Você diz a ele como o nosso pequeno mundo será lindo. Ele diz que espera que nossos futuros bebês se pareçam mais com você. E você é cor-de-rosa de felicidade, e ele é o seu mar brilhante que sempre lava você tão facilmente.

Três anos. Quatro meses entre o ver. Ansiedade de separação. Chamadas pelo Skype que duram até as 3 da manhã. Lágrimas. Agendamento de vôos. Abraços no aeroporto. Beijos no aeroporto. Dedos entrelaçados. Tudo é como deveria ser. Hora de ir agora. Lágrimas de aeroporto. Adeus do aeroporto. Depressão.

Um dia, ele esquece os planos. Ele esquece os abraços do aeroporto e como isso iluminou seu coração. Ele decide largar o mosaico de vidro. Ele decide soprar a chama. Ele diz que não pode mais fazer isso. É muito difícil. Mas sua chama ainda está acesa. Seu mosaico de vidro ainda está intacto. Seu amor ainda é brilhante. Ainda é tão brilhante. Então, o que você faz? Você implora para que ele se lembre do seu primeiro beijo juntos e implora para que ele a ame. Porque amá-lo é tudo que você sabe fazer.

poemas separam

É assim que o amor se desfaz.

Lentamente, você para de se manter em contato. Você para de dizer a ele que está desidratado por chorar muito. Você para de dizer para ele lembrar de você. E pouco a pouco, mês a mês, sua chama queima um pouco menos. Seu mosaico de vidro tem rachaduras. Você tem um dia em que não pensa nele. E é a primeira vez que você sorri em meses. Lentamente, a chama se foi e seu mosaico perfeito, perfeito, cheio de promessas, cheio de vida e cheio de esperança se foi.

Você sempre terá a marca de queimadura daquela pequena chama. E você sempre terá a cicatriz de onde o copo o cortou quando caiu no chão.

Mas você sempre carregará um pedaço desse amor no bolso, não importa quantos anos se passem. Só porque acabou por desmoronar, não significa que as partes boas não foram a coisa mais gloriosa que você já experimentou.