Você fez coisas ruins, que não fazem de você uma pessoa ruim.

Você mandou uma mensagem para os meninos às 2 da manhã, não porque os amava, mas porque eram 2 da manhã e o mundo estava quieto e dormir sozinho não é divertido. Você paquerou, forneceu números falsos, conseguiu bebidas gratuitas. Você mentiu e disse que via um futuro quando sabe que estava só e precisava de alguém para aliviar a dor. Você fantasiou, prometeu ligar, mas perdeu o telefone e ficou MIA por semanas.

eu não preciso de você na minha vida

Você confiou em uma amiga apenas para estar muito ocupada com o trabalho, com a vida, para responder quando ela realmente precisava de você. Você brigou com seus pais, foi pirralha e disse coisas que não podia levar de volta. Você teve colapsos em bares e muitos corações com os motoristas do Uber ponderando sobre seus erros e para onde sua vida está levando você.

Você já fez tudo.

Aqui está a coisa: você fez coisas ruins, mas você não é uma pessoa má.

Perdoe á si mesmo. A vida é complicada e confusa e, às vezes, você vai estragar tudo. Você pode ser egoísta, honestamente, às vezes, pode ser a única maneira de sobreviver. Mas, em algum momento, você terá que se perdoar pelos erros que cometeu, pelos caminhos que escolheu e pelos momentos em que agiu de forma irracional e imatura.

ele quer que eu fale sujo o que eu digo

Perdoe a si mesmo e perceba seus erros passados, não significa que você mereça uma vida de mau karma. Eles nunca determinam seu valor ou o definem. Você merece amor e felicidade tanto quanto a próxima pessoa.

Você fez coisas ruins, não é uma pessoa ruim.